“A liderança sempre está reconhecendo, celebrando pequenas conquistas e pequenas vitórias”, afirma conselheiro emérito do Instituto Capitalismo Consciente Brasil

Reconhecer funcionário e trazer a família para fazer parte dessa comemoração é de extrema importância para o feito 

Para começar a falar da evolução em gestão no II Fórum Brasileiro do Capitalismo Consciente, Eduardo Gouveia, conselheiro emérito do Instituto Capitalismo Consciente Brasil (ICCB), lê em sua palestra, uma carta (credo) que escreveu para si mesmo quando era CEO há 20 anos atrás. “Ser líder é uma coisa simples”, diz em sua primeira frase, que a liderança deve inspirar, é ter amor, trazer alegria e motivação, e que isso não muda, é a essência.

Entre as tendências está a celebração, Gouveia conta que passou por uma promoção em que a chefia não o deixou comemorar, por isso enfatiza a importância do reconhecimento e celebração das pequenas conquistas. “A partir daí, toda promoção que eu fizesse como gestor eu ia fazer lá na frente de todos para que aquela pessoa fosse reconhecida. Com isso criei o conceito do baldinho, com chocolate e champanhe, para que depois do trabalho ele comemore com a família, eu fiz isso em toda a minha gestão”, afirma Gouveia. Trazer a família para dentro da empresa é também um dos pontos que o conselheiro diz ter implementado em suas gestões, para que o funcionário seja reconhecido também na frente das pessoas mais importantes de sua vida.

Construir o espírito de colaboração, “a gente ganha junto, a gente falha junto”, é essencial para liderar uma equipe, que todos são importantes e juntos um único. “O líder tem que formar futuros líderes, que transformem as companhias da forma correta. Tem que ter paixão, visão, entusiasmo, descontração, alegria, segurança emocional e extroversão. O líder precisa sim trazer uma segurança emocional plena para o ambiente de trabalho, escuta ativa para captar o que está acontecendo e ajudar a melhorar o ambiente, foco em resultado e por fim, flexibilidade, ser aberto para novas ideias. Para mim, essas competências são essenciais para uma liderança, eu fiz isso ao longo da minha vida”, finaliza o conselheiro.

A gravação completa desta fala está disponível no App Consciente, exclusivo a todos os associados do Capitalismo Consciente. Você pode se associar gratuitamente e ter acesso a este e muitos outros conteúdos.

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe seu comentário

Posts recentes

Cuidar da água é tarefa de todos!

A água — e principalmente a falta dela — é um tema recorrente. Está nos debates escolares, nos noticiários e, em casos extremos, nas torneiras secas de algumas grandes cidades do mundo. Na nossa vida cotidiana, sua presença é marcante: afinal, 70% do nosso corpo é água. Nossa atenção só é chamada para ela, justamente, quando falta. Ou, então, quando ela vem em excesso, em catástrofes climáticas cada vez mais comuns.

A importância da biodiversidade

Áreas de Alto Valor de Conservação (AAVC) são formadas por milhares de hectares de florestas nativas nos diversos biomas do Brasil onde crescem espécies endêmicas e ameaçadas da fauna e da flora. Toda floresta tem valor ambiental e social, mas essas áreas, conhecidas com AAVC, são consideradas especiais.

Embaixador(a) I

R$ 0,00