Como o Capitalismo Consciente ajuda a alcançar meu sucesso?

Todos nós temos talentos, dons e habilidades necessárias às organizações. Alguns têm perfil de líderes, outros são bons executores. Existem os que são ágeis em encontrar soluções criativas, os que têm o dom da oratória, os que são habilidosos com pessoas e, outros, com processos.

Existe algo único que só você tem a oferecer ao mundo. Descubra qual é o seu talento e o coloque à disposição da sociedade. Isso gera fluidez na vida e acontece quando você se conhece e se reconhece no seu melhor.

Construir uma carreira não é um processo fácil. Exige dedicação constante, estudos e atualizações. As longas jornadas de trabalho muitas vezes limitam o tempo de lazer, prazer e diversão. Portanto, imagine-se fazendo aquilo que você tem paixão em realizar e ainda contribuir com o mundo.

O Capitalismo Consciente é um movimento global que promove práticas empresariais mais conscientes, sem deixar de lado a importância do lucro e reforçando o alinhamento contínuo entre todas as ações da organização com seu propósito. Quando uma empresa e todas as pessoas que a compõem conseguem exercitar seu propósito sendo fiel aos seus valores, podemos dizer que o sucesso foi atingido.

Então podemos dizer que os profissionais considerados “bem-sucedidos” são pessoas que amam aquilo que fazem e são capazes de persistir mesmo quando as coisas estão difíceis. Entendemos que o termo “bem-sucedido” não se reduz ao campo financeiro. Ele contempla uma consciência direcionada a práticas que se dedicam a um propósito maior que gera valores intelectual, ético, social, ecológico e espiritual a todos os envolvidos e interessados no negócio.

Realizações são consequências de atitudes.

Ariadne Rafaella Tomczak é colider da filial regional do Capitalismo Consciente em Santa Catarina e fundadora da Rumo Certo Consultoria e Orientação Profissional.


Confira também:

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe seu comentário

Posts recentes

Capitalismo e Governança Multistakeholder: Precisamos focar em toda a cadeia de valor!

A proposta da Governança Multistakeholder é compartilhar o poder e o processo de decisão entre as diferentes partes interessadas, fazendo com que esse tipo de Capitalismo seja possível. Ela é feita por meio de um ecossistema interdependente entre todos os stakeholders, no qual mecanismos são desenvolvidos para implementar ações ambientais, sociais, de governança e para o business, utilizando práticas de gerenciamento sustentáveis.

Propósito de vida em ação: Liderando Negócios Conscientes no III Fórum Brasileiro do Capitalismo Consciente

Desafiando o conceito de falso dilema de que “ou você olha o resultado ou você olha a questão do impacto e sustentabilidade”, o executivo ressaltou que é possível integrar resultados financeiros positivos com práticas sustentáveis e impacto social. Ele compartilhou exemplos de empresas que adotaram medidas conscientes e colheram benefícios não apenas reputacionais, mas também financeiros.

Embaixador(a) I

R$ 0,00